terça-feira, 16 de novembro de 2010

COLÓQUIO: REVISITANDO ALEXANDRE HERCULANO


No âmbito das comemorações do Bicentenário do Nascimento de Alexandre Herculano, têm-se organizado vários colóquios onde se tem analisado a personalidade deste romancista, escritor, poeta e historiador português do século XIX. Desta vez, será a Faculdade de Letras da Universidade do Porto, que no próximo dia 19 de Novembro de 2010, no Anfiteatro Nobre, vai assinalar esta efeméride com o colóquio que contará com as seguintes participações:
- Ofélia Paiva Monteiro, Herculano: da arte narrativa do ficcionista
- Maria Fernanda Gil da Costa, Herculano tradutor e intérprete do Romantismo Europeu
- Maria João Reynaud, Herculano Poeta/Profeta
- Ana Isabel Buescu, Alexandre Herculano e a polémica de Ourique
- Pedro Vilas-Boas Tavares, Alexandre Herculano e o Antigo Regime: «pontes» de uma ruptura
- José Adriano de Freitas Carvalho, Herculano, poeta religioso
- Manuel Clemente, Alexandre Herculano e o clero, ou o clero de Alexandre Herculano
- Armando Luís de Carvalho Homem, Da Regeneração à República: para um perfil do «Historiador Português»
- Luís Cabral, Alexandre Herculano e a Biblioteca do Porto: um caso Exemplar
- João Francisco Marques, Herculano VS Padre vicentino Barros Gomes (história de uma polémica)
- Maria de Fátima Marinho, A falsa ingenuidade de Herculano

Uma personalidade literária e política do nosso século XIX, muito ligada à implantação do regime liberal em Portugal e que actualmente foi quase por completo banida dos currículos escolares. Foi um dos responsáveis pela introdução da corrente romântica, de Jules Michelet, em Portugal, ficando muito ligado à ideia de Idade Média e aos momentos fundadores. Veja-se a propósito a sua História de Portugal, toda ela centrada no momento chave que foi o da fundação da nacionalidade.

Uma actividade a acompanhar com todo o interesse.

A.A.B.M.

Sem comentários: