quarta-feira, 5 de novembro de 2014

XXIII COLÓQUIO DE HISTÓRIA MILITAR. PORTUGAL ,1914-1916: DA PAZ À GUERRA

Está a decorrer na Universidade Católica, em Lisboa, por estes dias, entre 4 e 7 de Novembro de 2014, um dos colóquios com tradição na historiografia portuguesa: o XXIII Colóquio de Historia Militar. Este ano, como não podia deixar de ser o tema central é a Grande Guerra de 1914-1918, que se assinala o centenário.

Contando com um leque vasto de colaboradores, alguns deles já acompanham o colóquio há vários anos, debate-se a história militar de Portugal de vários ângulos, com contributos da mais variada ordem ao longo de quatro dias.

O primeiro dia já realizado, dia 4, contou com conferências de especialistas como Isabel Pestana Marques, Luís Alves de Fraga, Teresa Nunes ou Fernando Martelo.

Amanhã, dia 5, destacam-se as palestras de
- Augusto Moutinho Borges, Bandeiras Nacionais Portuguesas hasteadas nos acampamentos das frentes de guerra: África e Europa (1915-1918);
- Manuel António Ribeiro Rodrigues, Os uniformes das Forças Expedicionárias e das Ultramarinas – Angola e Moçambique 1914-1918;
- Pedro Soares Branco, Uniformes do Corpo Expedicionário Português;
- Jaime Regalado, Metralhadora Ligeira na 1ª Guerra Mundial: Um imperativo táctico;

Sessão 4: A guerra nas colónias portuguesas africanas-1
- Adelino de Matos Coelho, Angola e Moçambique na geopolítica do expansionismo alemão em África;
Miguel Freire e Artur Varanda, Aprender para combater - a formação académica e técnica dos oficiais comandantes nas unidades mobilizadas para África no período 1914-1918;
- Maria de Jesus Pessanha Caimoto Duarte, O Incidente de Naulila;

Sessão 5: A guerra nas colónias portuguesas africanas-2
-Francisco Miguel Araújo, As expedições africanas do exército português no decurso da Grande Guerra;
-Aniceto Afonso, Campanha portuguesa em Moçambique – a 1ª expedição;
José Luís Assis, A Primeira Grande Guerra em África (1914-1918): análise do relatório da Comissão de Inquérito à 4ª Expedição Militar a Moçambique;

Sessão 6: Operações em tempo de guerra
Carlos Manuel Valentim, Do Poder no Mar ao Controlo de Terra. A Marinha e a Revolta de 14 de Maio de 1915;
Pedro Marquês de Sousa, A Artilharia na Grande Guerra;
Augusto A. Alves Salgado, A Secção de “Auxiliares da Defesa Maríttima”. Criação e acções na 1ª Guerra Mundial;
João Moreira Tavares, Testemunhos da Grande Guerra no Arquivo Histórico Militar: África e Tancos (1914-1916);


DIA 6 DE NOVEMBRO
Sessão 7: Transmissões, comunicações e imagens
 - Júlio Joaquim da Costa Rodrigues da Silva, As “crónicas” da Ilustração Portuguesa (1914-1916);
- Jorge Rocha, Sandra Domingues e Patrícia Franco Frazão, O Serviço Postal do Corpo Expedicionário Português (1917-1918): uma análise geográfica da sua organização e funcionamento;
- Jorge Silva Rocha, As Transmissões de campanha no apoio às forças militares portuguesas durante a I Guerra Mundial; 

Sessão 8: Participações e acções na I Guerra
- Rui Fernando Baptista Moura, A participação da Guarda Nacional Republicana na Grande Guerra;
-  João Figueira, Pensões de Sangue no âmbito da participação portuguesa na Grande Guerra;
- João José Brandão Ferreira, Aspectos da participação portuguesa na I Guerra Mundial;

Sessão 9: Pacifistas e belicistas
- Mendo Castro HenriquesPacifistas e Belicistas: Franceses e alemães;
- Pedro CabreraPacifistas e Belicistas: Britânicos e anglo-saxónicos;
- Carlos Matos GomesPacifistas e Belicistas: Portugueses;
- Fernanda RolloA definir.

Sessão 10: Testemunhos
- João Paulo NogueiraCarlos Olavo, um deputado nas trincheiras: reflexões sobre a Grande Guerra e a República;
-  António Pires Ventura, Magalhães Lima: um Pacifista perante a Guerra;
-  Ana Paula Rias, Os intelectuais e a guerra: o testemunho de Jaime Cortesão;
- José Miguel Sardica, "O mais alto momento da nossa história". João Chagas e o guerrismo republicano (1914-1916);

DIA 7 DE NOVEMBRO
Sessão 11: Memórias
- Fátima Mariano, Memórias do cativeiro: a vida dos portugueses nos campos de prisioneiros alemães;
- Nuno Simão Ferreira, Portugal e a I Guerra Mundial: a visão de Alberto de Monsaraz;
-  Vanessa Sofia Batista, José Relvas: Um olhar português sobre as relações ibéricas antecedentes à Grande Guerra (1911-1913);
-  Ana Paula de Sousa Assunção, Contribuição para o estudo de Loures na Grande Guerra;

Sessão 12:Reflexões em torno da Guerra
- Manuel Braga da CruzMonárquicos e Guerra;
- Inês Espada Vieira, Memória e evocação: Portugal e o centenário da Grande Guerra;
-  Albérico Afonso Costa, Kafka nas trincheiras – O fuzilamento do soldado João Almeida. A desconstrução de um julgamento formal;
- António Pedro Vicente, Portugal na I Guerra Mundial: a questão colonial e a intervenção no espaço europeu a partir de 1916.

Sessão 13: Medicina e armas químicas

-  Carlos Vieira ReisO Serviço de Saúde na Grande Guerra – suavizando a guerra, procurando a paz;
- Fernando Weinholtz, Guerra Química;
- João FlorMedicina Portuguesa na Frente Ocidental.

Sessão de encerramento
- António Borges Coelho, A Primeira Guerra Mundial no distante teatro do Sudeste Africano:História,memória e sentido.
- António José Telo, Para um entendimento da beligerância portuguesa.

Um colóquio recheado de personalidades ilustres do mundo da historiografia portuguesa, com algumas análises inovadoras, embora por vezes também polémicas pelas perspectivas de análise.

Para os interessados aqui fica a divulgação de mais um evento extremamente interessante e apelativo aos que se interessam por estas temáticas.

Com os votos do maior sucesso.

A.A.B.M.

Sem comentários: